VISÃO DE UMA DEUSA

Excelso olhar que fascina, ó deusa da visão!
Excitas ledices que pianço um dia eu campar,
Que lindo cenho neste soma em inspiração!
Que propício momento para eu te conquistar!

Notáveis enlevos esparzes em meu coração,
Fazes da minha vida um mero batel a vagar,
Pelas águas de uma formosura em profusão,
Porto seguro que minh’alma deseja aportar.

Tuas prendas são cantos galanes em oração,
Pulcritude estonteante de mulher a dimanar,
Currículo perfeito para um efúgio da solidão,

Somente a ti, aqui espero para logo encontrar.
Não mais sob o auspício da merencória ilusão,
Apenas nos meus braços, eu e tu a enamorar.