Quando ela partiu

Antonio Cícero Siva (Águia)

Quando ela partiu
Deixou-me tristonho
meu coração se feriu,
Por ato tão medonho.

Ela se foi e me deixou
Que já fiquei com saudades
Dos meus olhos, água marejou
Por amor e não por iniquidades.

Por que inventaram a partida?
Para nos machucar?
Mas sei que é assim, na vida.

Quando ela resolveu partir
Passei a muito sofrer,
E logo parei de sorrir.

Quando ela partiu, tristonho muito fiquei!

Petrolina - PE