Culpa

 Que culpa tenho eu se às árvores não são iguais.

Qual a culpa devo ter por te ver chorar

Culpado eu serei por ter sofrido e chorado por você

A culpa dói dentro de mim sem parar

As vezes ela é a minha única companheira

Não culpo você por não estar ao meu lado

Eu te perdôo

Você apenas seguiu em frente sem dor

Sem culpa

Sou culpado por te amar infinitamente

Ainda sento naquela mesma praça 

Aguardo ancioso para te ver

Eu não tenho culpa se você não vem

Mais às vezes sinto que a culpa não é so sua

E minha também

Não e só sua e nem minha

E nossa culpa

Anjo
© Todos os direitos reservados