Site de Poesias

Menu

SILENCIOSO MAR

 Um cisne branco margeava o mar
Quando a linda garça o fitou
Chega até ele a pomba da paz
E a cegonha trazendo uma flor
 
Quantas personagens nesta hora
Visitavam o lindo e misterioso mar
O que queriam então todos ali?
Com certeza estariam a passear
 
O cisne orgulhoso se encantava
Com o que fez de belo a natureza
A branca garça a ele se chegava
Pasmada com tanta beleza
 
O mar com certeza tem encantos
Que nenhum sábio pode explicar
É na verdade um lugar puro e santo
Aonde belos anjos vem se banhar
 
Foi prêmio que Deus nos deu
Com seu infinito poder
As águas serenas e mansas
Toda a terra percorrer
 
Na areia branca do mar
Há fortunas encantadas
Muitas pedras preciosas
Artimanhas das fadas
 
O mar tem grande tesouro
Nas suas águas guardado
Apenas as belas sereias
Trazem seu corpo enfeitado
 
Dizem que elas aparecem
Quando gostam de alguém
E lá do fundo do mar
Dão de presente o que tem
 
Muitos pescadores crêem
Em tudo que ouve contar
E sempre que o mar visita
Começa a cantarolar:
 
Vem sereia doce amada
Traga pra mim um brilhante
Que eu posso lhe jurar
Dar-lhe amor eternamente.

Compartilhar
MARIA AGLAIDE NEVES
12/02/2014