Site de Poesias

Menu

Perfeição

   Tudo que fazemos se vai em segundos,

  Somos lembrados pelo o que não fizemos,
 Oque realizamos se vai, com o tempo,
Como o vento suave e delicado numa manhã,
De verão e esquecido com o ar quente, que traz uma
Exaustão, assim que éramos somos apontados das forma
Mas indelicada, não somos capazes prevê tudo isso,
Somos apenas mortais, gozando a perfeição, mas
Em seguida, vemos em um pedaço de vidro de formas,
Refletidas a imperfeição em seguida  o nosso mundo,
Perfeito cai e lentamente o coração em pedaços se desfaz,
A perfeição contida se vai.
 
Di Menezes....................................

Compartilhar
di menezes
15/02/2013

  • 0 comentários
  • 50 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados