Site de Poesias

Menu

Prece ao Mar

 

 

Ah, me leva, me leva em tuas águas revoltas

Para que eu descanse em tuas águas mansas,

Veste-me com tua espuma rendada

Para que eu me sinta bela.

 

Quero a esperança do teu verde

E o mistério do teu azul,

Tua destreza

E  as jóias que guardas

 Em tuas profundezas.

 

Quero a força de tuas ondas,

Ora bravias, ora mansas,

Sempre destemidas,

Entender teus limites

E teus momentos de paz.

 

Quero refletir o brilho da lua cheia

E o enigma da lua nova,

Renovar meu espírito em tuas águas,

Esquecer todas as minhas mágoas.

 

Quero sentir tua energia,

Ouvir teu canto,

Lavar meu pranto,

Em fim, cantar

Ao som do mar!

 

 

 

 

Compartilhar
Nair Damasceno
07/09/2011

  • 4 comentários
  • 209 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados