Site de Poesias

Menu

AMAR A DEUS E A TODA CRIAÇÃO

[Ilustração não carregada]

Pode haver mais beleza
Que um céu limpo de uma noite sem lua?
É daí que me vem à certeza
Que a vida não termina com a morte, ela continua!
 
Há muito mais a se saber do que imaginamos
E que é um aprendizado que leva talvez milênios.
Pelo fato de não entendermos o porquê aqui estamos
É dito pelo pseudo entendedor: Mistérios!!!
 
A resposta de sempre é que quando morrermos,
Vamos para o céu por merecimento,
Para o purgatório ou para o inferno onde ficaremos
Suportando os mais terríveis sofrimentos.
 
Ensinam-nos que devemos temer a um ser superior
Mas não que devemos respeitá-lo.
Porém não se educa ninguém pelo temor
E sim pelo amor e se alguém nos dá amor, devemos amá-lo.
 
Não creio num Deus vingativo, torturador
E que tenha nos criado para depois nos esmagar!
Creio sim que existe em nós o ódio e o amor
E está em nós escolher entre o odiar e o amar.
 
Como creio que a vida continua na eternidade
E se errei não posso ficar impune dos meus erros,
Quando eu estiver diante da minha verdade
E ver onde falhei, para cá voltarei por desterro.
 
Irei começar tudo de novo porque falhei
Na oportunidade que tive e escolhi o caminho errado.
Tudo porque não aprendi e a Deus eu não amei,
E se o tivesse amado como devia, não teria pecado!
 
O amor, a fraternidade, a solidariedade e a gentileza
São os pilares da vida, da felicidade é o caminho da salvação,
Por isso vendo que há no universo tanta beleza
Estou aprendendo que devo amar a Deus e a toda criação.
 

Compartilhar

Viver é fácil, saber vivier é difícil. A nossa passagem por aqui, não e só viver e pronto. Não! Vivermos é muito mais, viver e aprender é para isso que aqui estamos. Os chamados mistérios da vida é exatamente isto é nada sabermos do nosso depois. Presupor é uma coisa, ter certeza não temos, entretanto, tem entre nós uns poucos privilegiados que que sem fanatismo e por serem espíritos de muita evolução, não tem dúvidas nenhuma da vida após morte. Portanto fazendo uso da consciência e a razão devemos agir enquanto aqui estamos, de forma coerente e tendo pricípio amar a Deus sobre todas as coisa e o proximo como a mim mesmo. Quem ama, não mata , não fere, não trai e nem maltrata. Em manhã escaldante.

Ubirajara Fernandes
07/02/2011