Site de Poesias

Menu

Quando as palavras cessam

[Ilustração não carregada]


Palavras caem no vazio
O silêncio é constrangedor.
Teu rosto, impenetrável, frio.
 
Tão próximos e tão distantes!
Não entendo este desamor
Que fez nossas vidas errantes.
 
Atrás da cortina do olhar,
Retrai-se a palavra a minguar.
 
No peito, soluça a ilusão
Perdida: morreu a paixão.
 

Respeite os direitos autorais.
 
Imagem: Google
 
 
 

 

Compartilhar
Mardilê Friedrich Fabre
04/10/2010