Site de Poesias

Menu

esperança

 ESPERANÇA

A POETISA CHORA LAGRIMAS NO INTUITO DE MOLHAR AS FOLHAS SECAS DO INFERNO
SAO AS LAGRIMAS DA ALMA
QUE INUNDAM O SEU SER DE AMANTE DA VIDA
LAGRIMAS QUE SE MISTURAM AO QUEBRAR DAS ONDAS DO MAR
E NAO CONSEGUEM MOLHAR A AREIA FINA E ALVA DA PRAIA
A MELANCOLIA SE MESCLA COM A ANGUSTIA E O SAUDOSISMO DOS DIAS DE GLORIA
MAS A POETISA SE MANTEM EM POSIÇAO DE AMAR E SER AMADA
MESMO AS ESTRELAS NAO OFUSCAM SEU OLHAR DE PROFUNDA ALEGRIA 

POIS ENTENDE QUE VALE APENA VIVER NESTA PEREGRINAÇAO ARDENTE DE SONHOS NAO FRUSTRADOS
POIS A FÉ AESTIMULA A SER FELIZ EM MEIO AS TEMPESTADES DE ILUSAO.
DO DIA SE FAZ NOITE? DA NOITE SE FAZ DIA
DA TRISTEZA SE GANHA ALEGRIA E DA ALEGRIA SE EXTRTAI OS SONHOS.

BY- ALDA TOLEDO
hadassamgt

   
 

Compartilhar

POR MAIS QUE TENHAMOS QUE PERECER AOS NAUFRAGIOS ESTAMOS SEMPRE LIGADOS EM TIRARA EXPERIENCIAS COM NOSSAS DERROTAS. EU SOBREVIVI..... IBIRAÇU -ES

alda toledo
07/08/2010