Site de Poesias

Menu

Tempo de enxergar ...

[Ilustração não carregada]

 
Pecas e não te ressentes do prejuízo que causas
socialmente reluz amistosidade
ilusão: és a própria encarnação do mal.
como podes manipular assim quem te acolhe?
onde estão todos com a cabeça?
praticas mentiras com naturalidade
amor? será? ou um protótipo do mesmo?
tive pânico, quando te vi por dentro
a minha intuição ainda te vigia ...
 
Faz pouco tempo me disse estar doente. Não pode trabalhar. Pede orações ...
Cuidado, ser humano comum!
 
(Isso não é uma alegoria, falo mesmo de um psicopata que eu e meu marido conhecemos, meu texto é na verdade um alerta. Beijos a todos!)

 

Compartilhar

Realidades!
Obrigada por me ler!

Elisa Gasparini
19/01/2010

  • 11 comentários
  • 925 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados