Site de Poesias

Menu

LÁGRIMAS

 

traem-me os olhos chorosos
diante à vida e seus conflitos

a me constranger lacrimosos

 gritos e súplicas carentes
uma criança um desvalido

ou uma canção pungente

tento disfarçar 
encolho-me alheio 
meios para não sufocar 

mente doidivanas
afoga-me em lágrimas

entregas me abandonas

quisera ser normal
reter o desconforto

ver como natural

visão piegas 
escandaliza

prega peças

me desnuda
martiriza

me deixa mal...

 

Compartilhar

...lágrimas que me surpreendem, indiscretas, inesperadas, vem sem que eu as deseje, trai o meu íntimo sensível e precipita minhas emoções...lágrimas que me aturdem, me desnudam e me deixam atônito; basta um hino, uma canção mais marcante ou deploráveis cenas que constrangem pela desumanidade...lágrimas que me traem e me fazem transbordar e expor emoções represadas...

EDILOY A C FERRARO
08/04/2009