Site de Poesias

Menu

Atados

Pode ter certeza

Que eu farei de tudo para poder te ver

Ainda que seja à noite, com a chuva batendo no telhado

Terei seus beijos e seu carinho

Teu colo me protegendo desse mundo frio

Se quiser ser minha parceira

É só dar-me a mão e entrar na dança

Criança em riso embalando sonhos

Que gira o tempo viajando em rosas

Correndo o mundo, como uma grande roda

Não haverá mais tristeza

Só muitos momentos de alegria

E mesmo nas rusgas de casais amantes

Devemos ser como enamorados

Reconciliando em beijos e abraços

E quando esmorecer

Não esqueça da admiração

Da jóia rara que me premiou

Imitando o dia, terminando sempre noite

Mas sempre recomeçando com um brilho forte

Só o amor ata início e fim

Só compreensão nos fará ser feliz

Só perdão e carinho cura nossas feridas

Só em cumplicidade se divide a vida
 

André Ferreira

Compartilhar

Um cultivada no amor e cumplicidade dos casais Apartamento meu em Salvador City, numa tarde de chuva

André Ferreira
04/06/2008