Site de Poesias

Menu

Conto Ti

 
Um sonho
De uma vida
Tão linda
Que de vez enquanto si torna feia
Depois do sofrer, ao perder-te;
Mas hoje lhe acho
No meio dos sonhos
E pesadelos que tenho
De amor que tive por ti, por isso conto ti;
Foi bom enquanto durou, esse sonho, que viera a se tornar o pesadelo;
Das lembranças, lembranças das quais tive com você. Conto ti adeus, até logo;
Valeu.

Compartilhar
André Durand
02/08/2005