Site de Poesias

Menu

Amor em sincronia

Uma calma invade meu coração nesse momento,
Em que trago em minha mente o seu semblante,
Um desejo lascivo de ter-te, dar-te um beijo sedento,
De amar-te, sentir-te perto de mim, próxima o bastante,

Para compartilhar contigo minha vontade, meu amor,
Para abraçá-la, entregar-lhe minha vida, meu corpo quente,
Unir-me a você num gozo, num prazer, num mesmo suor,
Simplesmente porque somos um, amantes, uma só mente,

A sincronia que nos une, nos arrebata, nos enlouquece,
Sou eu em você, é você em mim, oh! minha paixão,
Quero-a pra mim, me queres pra tí, isso nos aquece,
Esse fogo que queima nosso corpo, arde-nos o coração,
Estremeço, num terremoto de amor, do mais puro tesão.

Compartilhar

Sincronia do amor sublime, completo, onde dois seres se tornam um, onde paixão e amor unem-se formando um laço de prazer e volúpia! Curitibanos - 04/12/2006

Angelo das Neves
04/12/2006