Site de Poesias

Menu

DOS CONTRASTES...- Ialmar Pio Schneider - Como saber se és anjo, se demônio?! / e assim me quedo nesta conjuntura../. Vives total no verso que componho com gosto de pecado e de candura. Às vezes pesadelo, às vezes sonho, n

 
         DOS CONTRASTES...
 
Ialmar Pio Schneider
 
                        Como saber se és anjo, se demônio?!
                        e assim me quedo nesta conjuntura...
                        Vives total no verso que componho
                        com gosto de pecado e de candura.
 
                        Às vezes pesadelo, às vezes sonho,
                        no dia límpido ou na noite escura,
                        toda minha esperança em ti deponho
                        p’ra ter felicidade ou desventura...
 
                        Procuro te querer e te dispenso
                        com a mesma intensidade, todavia;
                        embora isto pareça um contra-senso.
 
                        Estejas num palácio ou espelunca,
                        és minha na tristeza e na alegria
                        e quem sabe te queira sempre... ou nunca.
 
                                   Do livro: Sonetos e Cânticos Dispersos - pág. 9
 
 
 
 

 

Compartilhar
Ialmar Pio
29/09/2020